PUBLICIDADE

domingo, 5 de fevereiro de 2012

Comparativo: Fiat Punto 2012 versus Ford New Fiesta 2012

05/02/2012 Carros do Álvaro — Apesar do belo desenho e do bom motor 1.6 16V, de 115 cv, o Fiesta é menos equipado de série que o Punto, cujo 1.8 16V gera 132 cv.Lançado no fim do ano passado, o hatch Fiesta produzido no México acaba de ter seu preço inicial reduzido de R$ 48.950 para R$ 45.950. Com isso, a Ford tenta amenizar aquela que foi a maior crítica feita ao carro quando ele chegou às lojas: seu alto custo. Mas mesmo assim, esse reposicionamento não foi suficiente para que o modelo superasse, neste comparativo, o rival Fiat Punto Essence. Isso porque seu valor é praticamente o mesmo da versão 1.8 do carro nacional, que sai por R$ 46.210.

Apesar do belo desenho e do bom motor 1.6 16V, de 115 cv, o Fiesta é menos equipado de série que o Punto, cujo 1.8 16V gera 132 cv. Entre os itens do Fiat estão rodas de 16” (são de 15” no Ford), freios ABS e air bag duplo – estes que só vêm de fábrica na opção intermediária do rival, cuja tabela sobe para R$ 48.450.

O Fiat também oferece melhor ergonomia. Nele, é mais fácil encontrar uma boa posição de dirigir. Além disso, a visibilidade é adequada (no Fiesta, causa confusão o espelho com duas seções) e os instrumentos, todos à mão, oferecem melhor leitura. Até seu sistema multimídia, embora um pouco complicado, não é tão difícil de mexer quanto o do concorrente.

Claro que, projeto global e sucesso de vendas no mundo, o Fiesta tem seus atrativos. Embora menos potente, não tem desempenho ruim. Além disso, leva vantagem em relação ao Punto com a direção de respostas rápidas (e com assistência elétrica, melhor que a hidráulica do Fiat), o câmbio de bons engates e as suspensões muito bem acertadas.

O Punto oferece melhor desempenho, com aceleração de 0 a 100 km/h quase dois segundos mais rápida, conforme dados das fabricas. Mas numa estrada sinuosa, com muitas curvas fechadas e rápidas, ficaria para trás – o Fiesta é mais equilibrado, embora seja só 31 kg mais leve.

Fosse um comparativo que considerasse apenas os desenhos, a vitória fácil seria do Ford. Mais moderno, envelhece bastante o Punto (que deve mudar neste ano). Essa modernidade se reflete também no interior. Os instrumentos do Punto, no entanto, são mais fáceis de ler.
Fonte: Blogs.Estadao

PUBLICIDADE