quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Geely quer melhorar design dos carros chineses

02/11/2011 Carros do Álvaro — Grupo convocou o designer da Volvo para cuidar dos modelos produzidos pelas marcas chinesas a partir de agora.

O grupo chinês Geely, que abrange a marca homônima, além de fabricantes como Emgrand, Englon, Gleagle e a sueca Volvo, quer melhorar a aparência dos carros chineses. Para tanto, remanejou o bem-sucedido designer britânico Peter Horbury, até então chefe de estilo da Volvo, para cuidar das linhas e contornos dos veículos que serão lançados nos próximos anos pelas outras marcas da companhia.

O designer de 61 anos é apontado por muitos como um dos responsáveis pelo frescor dos veículos atuais da Volvo, que afastaram a imagem dos antigos modelos da marca, conhecidos por suas linhas sóbrias e conservadoras. O crossover XC90 é uma de suas criações. Horbury também passou por marcas como Aston Martin, Jaguar e Land Rover na época em que a Ford era proprietária da Volvo.

Em 2007, a Ford iniciou o plano de venda de suas marcas europeias. A sueca Volvo foi vendida no ano passado para o conglomerado chinês, por US$ 1,5 bilhão. Agora, a Geely quer operar alterações expressivas na estética dos modelos que comercializa na China, e intensificar sua presença em outros mercados. As marcas sob o guarda-chuvas do grupo Geely comercializam desde compactos populares a veículos de luxo.

A marca chinesa, fundada em 1986, já atua no Uruguai e tem planos de abrir uma linha de montagem no país sul-americano com capacidade para cerca de 10 mil unidades por ano. Antes do aumento do IPI para veículos importados, a marca chinesa pretendia começar suas operações no Brasil em março de 2012. A decisão do governo federal colocou os planos da fabricante no mercado nacional em aberto. Unidades do compacto LC já foram flagradas rodando das cidades brasileiras.
Fonte disponível no(a): MotorDream.uol.com.br

Nenhum comentário:

POSTS RECENTES

PUBLICIDADE

10 POSTS MAIS LIDOS